Armo do Brasil apresenta tecnologia capaz de aumentar o MTBF das suas tubulações

As tubulações de processos, geralmente fabricadas em aço carbono ou aços inoxidáveis, sofrem os efeitos de uma combinação de condições que levam à falha prematura das mesmas, onde afeta a confiabilidade da operação, aumenta os custos de manutenção e coloca em perigo a saúde dos colaboradores e meio ambiente.

Para resolver este tipo de situação, o Centro de Serviços da Armo do Brasil está equipado com dispositivos capazes de jatear e aplicar uma ampla gama de revestimentos policerâmicos dentro das tubulações, aumentando significativamente o MTBF e a segurança do processo.

Este serviço pode ser realizado tanto no Centro de Serviços da Armo do Brasil em Ribeirão Preto, quanto nas dependências do cliente, sendo compatível com tubulações ferrosas, não ferrosas e concreto de 6” e 24” de diâmetro com comprimentos máximos de 12 metros por trecho.

A escolha do revestimento a ser aplicado depende do grau de exigência de cada aplicação, considerando: temperatura, substâncias, faixas de pH, nível de abrasividade e nível de desgaste da tubulação.

As soluções mais recorrentes proporcionam proteção contra:

  • Abrasão severa e temperaturas de até 180° C.
  • Abrasão moderada.
  • Superfícies irregulares sujeitas a muita corrosão.
  • Ataque químico severo.
  • Ataque químico severo por derivados de cloro.
  • Ataque químico moderado.

Vantagens:

  • Aumenta o MTBF das tubulações.
  • Evita as paradas não programadas.
  • Melhora a confiabilidade da operação.
  • Solução com custo x benefício para aplicações críticas.

Compartilhe Este Artigo:

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram